sábado, julho 15, 2006

Patativa do Assaré por Rolando Boldrin

Vaca Estrela e boi Fubá

Seu dotô me dê licença
Pra minha história eu contá
Se hoje eu estou em terra estranha
E é bem triste o meu pená
Mas eu já fui muito feliz
Vivendo no meu lugá
Eu tinha cavalo bão
Gostava de campiá
E todo dia aboiava
Na portera do currá

Ê Vaca Estrela
Ô Boi Fubá

Eu sou fio do Nordeste
Não nego meu naturá
Mas uma seca medonha
Me tangeu de lá pra cá
Lá eu tinha meu gadinho
Não é bom nem maginá
Minha bela vaca Estrela
E o meu lindo boi Fubá
Quando era de tardinha
Eu começava aboiá

Ê Vaca Estrela
Ô Boi Fubá

Aquela seca medonha
Fez tudu se trapaiá
Não nasceu capim no campo
Para o gado sustentá
O sertão esturricou
Fez o açude secá
Morreu minha vaca Estrela
Se acabou meu boi Fubá
Perdi tudo quanto eu tinha
Nunca mais pude aboiá

Ê Vaca Estrela
Ô Boi Fubá

E hoje nas terras do sul
Longe do torrão natá
Quando vejo em minha frente
Uma boiada passá
As águas corre dos óio
Começo logo a chorá
Me lembro da vaca Estrela
Me lembro do boi Fubá
Com sodade do Nordeste
Dá vontade de aboiá

Ê Vaca Estrela
Ô Boi Fubá

Patativa do Assaré

Para fazer download:
http://www.badongo.com/file/1065859
ou
http://rapidshare.de/files/25925197/Rolando_Boldrin_Vaca_Estrela_e_Boi_Fuba_1_.mp3.html

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial