terça-feira, outubro 31, 2006

Cacaso por Djavan

Lambada de serpente

cuidá dum pé de milho, que demora na semente
meu pai disse meu filho, noite fria, tempo quente
lambada de serpente a traição me enfeitiçou
quem tem amor ausente já viveu a minha dor
no chão da minha terra, um lamento de corrente
um grão de pé de guerra, pra colher dente por dente

Cacaso

Para fazer download:
http://www.badongo.com/file/1636834

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial